Buscar
  • Fernando Borges

De volta ao futuro, analógico! | Por Thiago Theo


Quando o processo é mais enriquecedor que a estética.



Essa semana li uma matéria com o fotógrafo Wen Hang Li, que descrevia a "experiência fotográfica" de seu projeto com duplas exposições em filme: "As fotografias revelam mais do que meras imagens abstratas. Porque a abordagem coincidente muitas vezes leva a um resultado imprevisto, faz eco aos mistérios da vida, limitando assim nossa capacidade de calcular, planejar ou controlar. Assim, é uma performance silenciosa e improvisada entre duas realidades. Quando o encontro visto e não visto - e estranheza e beleza se entrelaçam - a luz e a sombra são fundidas em uma experiência esmagadora de possibilidades infinitas." Ler essa matéria me fez lembrar de um projeto que faço desde 2011 mas que em 2014 revelei sua primeira leva de imagens. Este é um projeto pessoal que começou quando comprei uma Lomo Fisheye, 04 rolos de filmes 36 poses kodak ultra, adquiridos na loja de fotografia da minha mãe. :) O primeiro filme foi colocado na noite anterior da minha mudança para Austrália,2012, e o último antes do meu primeiro carnaval no Rio em 2014.

Confesso que não me lembrava de 90% das fotos e isso não me incomodava e nem me criava expectativa. Convicto, sabia que estavam bem guardados, momentos de 02 anos vividos , naqueles rolinhos charmosos à beça.

Fato é, que resolvi revelá-los, no final de 2014, para a minha memória. E não poupei um "roteiro de curta-metragem para tal momento.



Deixei os 04 filmes na loja de uma mulher, em Botafogo, RJ, suuuuper simpática que lembra muito minha mãe em sua antiga loja de fotografia. Com a informação que poderia resgatá-los depois de 05 dias ali percebi o tão gostoso é essa brincadeira do analógico.

Depois de 01 semana resolvi ir buscá-los e no caminho fiquei tentando lembrar o que naqueles filmes continham, mas foi em vão. Ao entrar na loja e sacar o papelzinho retangular, com número dos meus filmes nele escrito, me fez TANTO lembrar da minha infância. Tempo que trabalhei no balcão da loja dos meus pais, laboratório de revelação de slide e PxB!!! É, definitivamente a filosofia fotográfica já é a maior herança legado que meus pais me deram. Quando chegou o envelope meu coração começou a disparar, tipo quando você vê uma pessoa a qual ama mas estão separados e sem querer se encontram nas esquinas da vida, sabe? rss Ali, percebi o tesão do filme. O ato de esperar para rever aquele segundo gravado no 35mm e que o tempo fez minha cabeça armazená-lo em um lugar de difícil acesso. Perguntei a mulher se saíram todas, para minha surpresa, SIM! Uhuuuuu. A Fotografia de papel não tem mais aquele preço dos tempos áureos, mas valeu cada real. Ali mesmo no balcão abri o envelope e comecei a ver as imagens. Vi umas 5 ou 6 fotos e foi tanta surpresa e tanta emoção que minha boca secou e não conseguia nem responder se era no débito ou no crédito! rs Deduzi que não era o melhor lugar para isso. Coloquei tudo no envelope e fui caminhando para casa. Foram os 5 quarteirões mais longos dos últimos tempos. Andava com um grande sorriso no rosto que tirava sorrisos de quem cruzava comigo pela movimentada Voluntários da Pátria. Chegando em casa corri para o quarto, abri o envelope e fui colocando as fotos lado a lado, como se fosse no library do Ligthroom, porém o fundo era meu edredom. Foram horas de contemplação. Prazer e risadas que nenhuma edição digital ainda me proporcionou. rs Nesses 10x15 continham cenas/momentos que minha maluca cabeça começou a acessar e me levar exatamente para aquele passado e resgatando cheiros, gostos e sensações que vivi durante 02 anos entre os países da Australia, Chile e Brasil. Muitas delas foram feitas em dupla exposição, tiradas em momentos/tempos diferentes, TOTALMENTE ao acaso.



Impressionante o poder da fotografia! E suas incalculáveis e muitas vezes inenarráveis possibilidades. Queridos amigos/alunos amantes da fotografia, experimente essa sensação, desafiem essa ansiedade absurda que vivemos na fotografia digital e que nos traz curtos prazeres, se é que trazem, principalmente quando veem de likes quase que instantaneamente após o click!

#fotografia #foto #analógica

53 visualizações
  • Facebook - Black Circle
22.3233.3786 | 22.99890.9330
ateliedaluzfotografia@gmail.com
Campos dos Goytacazes / RJ
PARCEIROS QUE ACREDITAM NA GENTE